segunda-feira, junho 14, 2021

Acompanhe a cobertura das provas do concurso PF 2021 em temp…

- Publicidade -

Chegou o grande dia! Os mais de 321 milénio candidatos do concurso PF são avaliados neste domingo, 23, por meio de provas objetiva e discursiva. A Folha Dirigida traz para você todas as novidades, relatos e principais novidades deste dia.

Pela manhã, realizam as provas objetivas os candidatos aos cargos de representante, a partir das 8h. Esses, voltam a ser avaliados ainda neste domingo, 23, no vez da tarde para as prova discursivas.

+ Concurso PF 2021 provas: veja tudo o que pode e o que não pode

À tarde, será a vez dos demais cargos. Candidatos a agente, escrivão e papiloscopista realizam as provas objetiva e discursiva a partir das 14h.

Os exames são aplicados em todo o território pátrio, em todas as capitais e no Região Federalista. A reportagem da Folha Dirigida estará, no vez da tarde, presente em um dos locais de provas em Novidade Iguaçu-RJ para seguir exórdio e fechamento dos portões.

NOVIDADE – exórdio dos portões

É importante realçar que nas provas da PF deste domingo, 23, a mesa alterou um dos procedimentos. O  Cebraspe divulgou um transmitido  a saudação da exórdio dos portões. A mesa de Brasília vai penetrar duas horas antes do horário previsto.

“Tendo em vista o aprimoramento do fluxo de ingressão dos candidatos nos locais de provas e além do escalonamento em grupos estabelecido na consulta individual, o Cebraspe comunica que os portões de aproximação aos locais de provas serão abertos 2 (duas) horas antes do horário previsto para o início das provas.”

Pela manhã, tudo sob controle nas provas de representante

A reportagem da Folha Dirigida está acompanhando todas as situações, relatos, comentários. De pacto com candidatos, pela manhã, tudo está sob controle nas provas de representante. Vale realçar que o número é muito menor de concorrentes do que à tarde.

Segundo uma candidata do Rio Grande do Setentrião, os periferia da UFRN estavam muito tranquilos e sem sinais de aglomeração ou muitos candidatos. 

Ela também relatou que eram, aproximadamente, 20 pessoas por sala. No entanto, os fiscais não estavam sabendo orientar quanto a candidatos com sintomas de Covid-19.

Uma candidata de Goiás, enviou imagens e comprovou que os portões da UFG também estavam muito vazios (veja na imagem inferior) e com um fluxo inferior de candidatos, de forma calma e sem nenhum vestígio de confusão ou aglomeração.

Imagem enviada por um candidato(a)

Provas de representante atrasam em Rondônia

Se na maioria dos estados as provas de representante começaram de forma tranquila, em Rondônia os candidatos não tiveram a mesma sorte. Muitos concorrentes ao incumbência relatam que ainda não receberam as provas e seguem sem ter iniciado a primeira lanço.

Esses candidatos, inclusive, ainda nem receberam as embalagens para zelar os aparelhos de celular e seus pertences.

Vale lembrar que esses mesmos candidatos precisarão voltar à tarde para a realização das provas discursivas. A Folha Dirigida entrou em contato com o Cebraspe para apurar a situação, mas ainda não obteve resposta.

A situação de Rondônia foi noticiada primeiramente pelo professor Arthur Lima. Em seguida, candidatos também entraram em contato com a nossa reportagem pelas redes sociais.

Às 10h, alguns locais de provas em Porto Velho seguiam sem provas. Alguns candidatos informaram que iniciaram a prova com duas horas de demora, enquanto alguns candidatos em outros estados já se dispersavam.

Candidatos já começam a deixar os locais de prova

Por volta das 10h30, muitos candidatos já começaram a enviar relatos de que tinham terminado a primeira prova de representante e esperavam pela prova discursiva, à tarde. A maioria que saiu disse que tudo ocorreu sob controle.

Candidatos do RJ, DF, e RN enviaram mensagem de que não tiveram problemas, diferentemente de Rondônia.

Quem terminou mais cedo não conseguiu transpor com o caderno de provas, já que era necessário esperar até 11h15 para transpor com as questões em mãos.

Alguns candidatos do Rio de Janeiro alertaram pequenas aglomerações na saída.

Cebraspe se manifesta sobre atrasos em Rondônia

A mesa de Brasília emitiu transmitido às 12h26 deste domingo, 23, a saudação do demora das provas em Rondônia. De pacto com o Cebraspe, o ocorrido aconteceu em Porto Velho e Ji‐Paraná.

O transmitido do organizador explica que o demora ocrreu “em razão da malha aérea reduzida e de problemas operacionais que atrasaram o voo que transportava os malotes de provas, uma vez que a aeroplano precisou arremeter duas vezes em razão de muita fumaça no espaço airado da região.”

A mesa informou que os candidatos não serão prejudicados

Veja o transmitido do Cebraspe sobre as provas de representante

reprodução

Candidatos começam a chegar para as provas da tarde

A partir das 11h30, muitos candidatos já começaram a mandar mensagens e relatos de que já estavam nos locais, para as provas da tarde. Além dos cargos de agente, escrivão e papiloscopista, o representante fará a prova discursiva nes vez.

Alguns candidatos em diversos estados reclamaram que os portões não foram abertos com duas horas de antecedência, porquê prometido pela mesa.

Início das provas da tarde

  • Agente, escrivão e papiloscopista: 14h
  • Solicitador: 15h

Portões fechados para as provas da PF na secção da tarde

Os portões já estão fechados para as provas do vez da tarde. Todos os candidatos que compareceram estão prestando o concurso PF, em diversos locais espalhados por todo o território pátrio.

A reportagem da Folha Dirigida esteve em dois locais de provas na cidade de Novidade Iguaçu, no Estado do Rio de Janeiro.

Na Facultade Estácio e na Universidade de Novidade Iguaçu (Unig), tudo tranquilo e dentro da normalidade. Candidatos chegaram de forma lenta, tímida e sem aglomerações.

Na Unig, os portões foram fechados às 14h11, sem a presença de candidatos chegando em seguida o fechamento.

Unig – Novidade Iguaçu

(Foto: Mateus Carvalho)
Portões na Unig fecham para as provas do concurso PF no vez da tarde
(Foto: Mateus Roble)

O que será cobrado nas provas do concurso PF?

Os candidatos do concurso da Polícia Federalista serão avaliados, neste domingo, 23, com provas escritas. Serão cobradas 120 questões objetiva e uma redação discursiva.

Os exames serão aplicados nas 26 capitais,  além do Região Federalista. Para agente, escrivão e papiloscopista as avaliações serão realizadas no vez da tarde com duração de quatro horas e 30 minutos.

Já para o representante, as avaliações ocorrerão pela manhã (prova objetiva, com três horas e 30 minutos de duração) e à tarde (discursiva, com cinco horas de duração).

A primeira tempo terá caráter supressório e classificatório. Todos os cargos terão provas aplicadas no mesmo dia e horário.

Porquê será a prova objetiva da PF?

Na prova objetiva, o candidato responderá a 120 questões no estilo Cesbraspe, com afirmações e devendo o candidato assinalar Visível ou Falso, onde uma questão errada anulará uma certa.

Prova objetiva do agente:

Conjunto I, com 60 questões: Língua Portuguesa, Noções de Recta Administrativo, Noções de Recta Constitucional, Noções de Recta Penal e de Recta Processual Penal, Legislação Privativo, Estatística e Raciocínio Lógico.

Conjunto II, com 36 questões: Informática

Conjunto III, com 24 questões: Contabilidade Universal

Prova objetiva do escrivão:

Conjunto I, com 60 questões: Língua Portuguesa, Noções de Recta Administrativo, Noções de Recta Constitucional, Noções de Recta Penal e de Recta Processual Penal, Legislação Privativo, Estatística e Raciocínio Lógico.

Conjunto II, com 36 questões: Informática

Conjunto III, com 24 questões: Contabilidade Universal e Arquivologia

Prova objetiva do papiloscopista:

Conjunto I, com 60 questões: Língua Portuguesa, Noções de Recta Administrativo, Noções de Recta Constitucional, Noções de Recta Penal e de Recta Processual Penal, Legislação Privativo, Estatística e Raciocínio Lógico.

Conjunto II, com 36 questões: Informática.

Conjunto III, com 24 questões: Biologia, Física e Química.

Será ratificado na objetiva do agente, escrivão e papiloscopista o candidato que obtiver pelo menos 48 pontos na prova, além de, no mínimo, seis pontos no conjunto I, três no conjunto II e dois no conjunto III. 

Prova objetiva do representante:

Para o representante serão 120 questões objetivas de Recta Administrativo Recta Constitucional, Recta Social, Recta Processual Social, Recta Empresarial, Recta Internacional Público e Cooperação Internacional, Recta Penal, Recta Processual Penal, Criminologia, Recta Previdenciário, Recta Financeiro e Tributário. 

Será ratificado na objetiva do representante o candidato que obtiver pelo menos 48 pontos na prova. O resultado da avaliação objetiva está previsto para 9 de abril.

O examinação discursivo também vai variar de pacto com a curso. Todos os cargos, exceto o representante, realizarão um texto dissertativo de no sumo 30 linhas. O representante, por sua vez, terá pela frente três questões dissertativas e a elaboração de peça profissional.

(Foto: Divulgação/Senado)
Concurso da Polícia Federalista acontece neste domingo, 23
(Foto: Divulgação/Senado)

A nota na prova objetiva será igual à soma das notas obtidas em todos os itens que a compõem. E será reprovado na prova objetiva e eliminado do concurso público o candidato que se enquadrar em pelo menos um dos itens a seguir:

  • obtiver nota subalterno a 15,00 pontos no conjunto I da prova objetiva;
  • obtiver nota subalterno a 10,00 pontos no conjunto II da prova objetiva;
  • obtiver nota subalterno a 10,00 pontos no conjunto III da prova objetiva;
  • obtiver nota subalterno a 50,00 pontos no conjunto dos três blocos da prova objetiva

► O candidato deverá comparecer ao lugar eleito para a realização das provas munido de caneta esferográfica de tinta preta fabricada em material transparente, do comprovante de matrícula e do documento de identidade original.

PF e Cebraspe divulgam regras para Covid-19

Em 2021, o principal repto da Polícia Federalista e do Cebraspe será utilizar as provas durante a pandemia. Pensando nisso, a mesa de Brasília divulgou as medidas que serão adotadas no domigno, 23, para evitar aglomerações e qualquer vestígio de contaminação.

Segundo o Cebraspe, somente será permitido o ingresso do candidato ao lugar de emprego usando máscara. Estas, poderão ser descartáveis, de tecido ou de qualquer outro material.

Outrossim, a mesa não fornecerá máscaras nem frascos de álcool em gel 70% aos candidatos, exceto nas salas e nos locais de circulação, muito porquê sabão líquido e papel toalha nos banheiros.

Atenção! 

Se o candidato  informar que testou positivo para a Covid-19, oriente não poderá realizar as provas. A mesa recomenda que o candidato ligeiro a sua própria chuva para o seu próprio consumo, em embalagem transparente, para evitar a utilização de bebedouros ou qualquer outro dispositivo de fornecimento coletivo de chuva para ingerir.

► Caso a temperatura corporal do candidato, aferida no momento de sua chegada ao lugar de emprego, for igual ou subalterno a 37,5 °C, será permitido o seu ingresso ao lugar de emprego. Se a temperatura corporal do candidato, aferida no momento de sua chegada ao lugar de emprego, for superior a 37,5 °C, será imediatamente realizada uma segunda aferição; se a segunda aferição confirmar que o candidato se encontra com temperatura corporal superior a 37,5 °C, o candidato poderá ser guiado para realizar as provas em sala privativo.

Confira mais recomendações sobre a Covid-19

  • comparecer ao lugar de emprego usando máscara e portando máscaras reservas, se necessário, de modo a possibilitar a troca de sua máscara a cada duas horas;
  • armazenar as máscaras usadas em saco plástico transparente, que deverá ser trazido pelo candidato;
  • permanecer de máscara durante todo o tempo em que estiver nas dependências dos locais de emprego de provas;
  • submeter-se à verificação da temperatura corporal para aproximação ao lugar de emprego;
  • observar o distanciamento adequado, conforme demarcação do piso com fita adesiva em frente ao portão de aproximação ao lugar de emprego, na ingressão das salas de provas e dos banheiros;
  • observar o distanciamento mínimo exigido na legislação aplicável entre os candidatos e entre membros da equipe de emprego nas salas de emprego das provas;
  • verificar o seu horário de aproximação ao lugar de provas, conforme informado na consulta individual, em link específico, em que serão disponibilizadas as informações relativas a seu grupo e a seu horário de ingressão;
  • submeter-se a pré-identificação realizada pela equipe de campo na chegada dos candidatos ao lugar de emprego, sem contato físico e sem o manuseio de documentos ou de qualquer outro objeto dos candidatos, podendo ser solicitado que o candidato abaixe a sua máscara, de modo a permitir a visualização do seu rosto — concedendo-se somente ao candidato a manipulação de sua máscara —, mantendo-se o distanciamento mínimo exigido na legislação aplicável de qualquer outro candidato ou membro da equipe de emprego;
  • permanecer de máscara ao se retirar de sala para uso dos banheiros e observar os procedimentos de limpeza das mãos nesses ambientes;
  • manter os cabelos arrumados de forma que não caiam sobre sua face enquanto estiver dentro dos locais de emprego;
  • submeter-se ao controle de saída dos candidatos ao término das provas para evitar aglomeração.

ARTIGOS RELACIONADOS

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -