Cidades globais: Entenda uma vez que elas funcionam 

- Publicidade -

As cidades globais são centros urbanos mundiais que apresentam estrutura diferenciada e grande relevância e influência na sociedade mundial. 

Desse modo, elas também podem ser chamadas de cidades mundiais. Aliás, de contrato com a jerarquia urbana, as cidades globais estão no topo hierárquico. 

Todavia, elas sofreram mudanças significativas em sua estrutura por conta do processo de globalização e por isso constituem os polos mundiais urbanos, assim uma vez que de outras áreas uma vez que:

  • cultural, 
  • Financeiro
  • Econômico 
  • Político 
  •  Industrial 

Por isso, acabam possuindo o maior desenvolvimento do planeta. Demais, elas possuem uma enorme densidade demográfica e qualidade de vida, podemos referir uma vez que exemplos:

  • Novidade Iorque 
  • Londres
  • Tóquio 
  • Paris 

No Brasil, duas cidades acabam incluídas no contexto de cidades globais, São Paulo e Rio de Janeiro. 

As cidades globais poderão manar em questões de vestibulares e no Enem. Por isso acompanhe o item e saiba mais sobre elas!

Cidades globais, megacidades e tecnopolos

Megacidade está ligada intimamente com o noção de cidades globais, tendo em vista que ambas são centros urbanos com urbanização e enorme desenvolvimento. 

Aliás, as megacidades possuem uma densidade demográfica gigantesca, ou seja, quando estão supra de 10 milhões de habitantes uma vez que a Cidade do México, por exemplo. 

A saber, as megacidades estão ligadas aos termos quantitativos, já as cidades globais em termos qualitativos. Aliás, uma megacidade pode ser considerada uma cidade global. 

Dessa maneira, as cidades globais podem apresentar uma enorme população, além de uma boa qualidade de vida e infraestrutura. 

Ou seja, elas apresentam um sistema de transportes eficiente, aeroporto internacional, rede de comunicações, empresas multinacionais, indústrias, entre outros. 

Já quando falamos de tecnopolos, estamos falando sobre cidades com enorme desenvolvimento tecnológico e por isso atraem pesquisadores, trabalhadores e estudantes. 

Classificação

Existem tapume de 60 cidades globais, a maioria presente na Europa. No entanto, existe um nível de influência e por isso as cidades globais são divididas em três tipos, são elas:

Início: São Paulo, Cidade do México, Novidade Iorque, Londres, Tóquio, Paris, Hong Kong, Xangai, Milão, Frankfurt, Chicago, Los Angeles, entre outras. 

Beta: Rio de Janeiro, Bogotá, Lisboa, Buenos Aires, Munique, Amsterdã, Miami, Caracas, Berlim, Roma, Atenas, Vancouver, entre outras. 

Gama: Curitiba, Quito, Washington, Marselha, Lyon, Turim, entre outras. 

E portanto, gostou de saber um pouco mais sobre cidades globais?

Não deixe de ler também – Intercâmbio no Canadá: Motivos para escolher o país.

ARTIGOS RELACIONADOS

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -