sexta-feira, junho 25, 2021

Concurso da PM-ES para Oficiais vai convocar todos os aprovados, diz governo

- Publicidade -

Foi divulgado na última terça-feira, 04 de maio, pelo governador Renato Casagrande no Quotidiano Solene do Estado, que será ampliado o número de vagas que serão preenchidas no concurso público da Polícia Militar do Espírito Santo (PMES). O edital do concurso de 2018 da PMES será retificado, aumentando o número de vagas disponíveis para que todos os candidatos aprovados no Curso de Formação de Oficiais (CFO) sejam logo convocados.

A quantidade de vagas do CFO será ampliada pela segunda vez. A primeira ocorreu em 2019, quando o concurso passou de 30 para 80 vagas. Os aprovados foram divididos em duas turmas de 40 alunos, uma que iniciou as atividades em outubro de 2020, e a outra com previsão para iniciar no último trimestre deste ano. Com a novidade ampliação, 87 novos militares se tornarão Aspirantes a Solene da Polícia Militar, preenchendo logo 167 vagas no totalidade.

Ainda não há previsão do início do curso dessa novidade turma. O governador detalhou as ações para recomposição do efetivo militar, e também falou sobre a valia das melhorias no sumptuosidade de segurança do Estado. “Isso mostra o compromisso em restruturar nossas forças de segurança, tendo uma polícia mais organizada, mais estruturada, com um efetivo que vai se recuperando dentro do nosso governo. Estamos aumentando o efetivo da nossa Polícia Militar, da Social, dos Bombeiros; comprando viaturas, investindo em tecnologia, em infraestrutura para entregar forças policiais mais organizadas para enfrentar a criminalidade“, afirmou Casagrande.

A ampliação é muito importante, segundo o comandante-geral da PMES, coronel Douglas Caus. “O curso vai aumentar mais oficiais no efetivo da Polícia Militar. Eles serão futuros tenentes que estarão em processos decisórios e fundamentais para a segurança pública”, ressaltou.

Curso de Formação de Oficiais

O CFO tem previsão de duração de três anos, período no qual os alunos recebem ensino em nível de bacharelado e têm a oportunidade de comprar conhecimentos de liderança, gestão, recta, segurança pública e resguardo social.

Ao ingressarem no curso, os alunos recebem o título de Aluno Solene primeiro ano e passam a pertencer ao quadro de Rossio Próprio da PMES. Ao final de três anos do curso de formação é proferido Aspirante a Solene PM e, se reconhecido no estágio probatório, promovido ao posto de 2º tenente PM.

ARTIGOS RELACIONADOS

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -