terça-feira, abril 20, 2021

Concurso PC-RO 2021 terá mais de 300 vagas

- Publicidade -

Foi publicada na última segunda-feira (22) no Quotidiano Solene de Rondônia a Portaria que forma a percentagem organizadora do novo concurso da Polícia Social do estado. Conforme o documento, a percentagem será presidida pela servidora Alessandra Marcela Paraguassu Gomes e composta pelos servidores Paulo Kakionis, Marcos Vinicius Alves e Silva Fruto e Joyce Mary Moreira.

O próximo passo agora será a elaboração do projeto obrigatório do edital, contendo informações para a contratação da secretária organizadora. A percentagem ficará a responsável por escolher a secretária e demais procedimentos inerentes ao concurso.

Conforme a corporação, o edital está previsto para ser divulgado no segundo semestre desse ano, nesse caso, a partir de julho.

Confira a publicação na íntegra:

Formação da percentagem organizadora do concurso PC-RO 2021

Cargos e vagas previstas na PC-RO

Ao todo, estão previstas 379 vagas mais cadastro de suplente no concurso da PC-RO. As oportunidade serão para os seguintes cargos:

  • Solicitador (10 vagas);
  • Médico Legista (10 vagas);
  • Agente de Polícia (175 vagas);
  • Escrivão de Polícia (120 vagas);
  • Papiloscopista (50 vagas); e
  • Técnico em Necropsia (14 vagas).

Além de outros requisitos básicos de ingresso em cargos públicos, será necessário que o candidato possua nível superior completo. A jornada de trabalho é de 40 horas semanais em regime de dedicação exclusiva.

Salários na Polícia Social-RO

Conforme a Lei complementar Nº 3.961/2016 as remunerações que serão ofertadas seguem o seguinte padrão:

Solicitador
1ª classe: R$ 14.267,80
2ª classe: R$ 15.497,09
3ª classe: R$ 17.130,49
Classe Peculiar: R$ 20.130,49

Médico Legista
R$ 15.497,09

Agente de Polícia, Escrivão de Polícia, Técnico em Necropsia e Datilocopista Policial (Papiloscopista)
1ª classe: R$ 4.706,56
2ª classe: R$ 5.177,26
3ª classe: R$ 5.693,94
Classe Peculiar: R$ 6.264,40

Requisitos e atribuições

Solicitador
Atribuições: encaminhar as atividades administrativas, de pessoal, logísticas e operacionais; instaurar e presidir Inquéritos Policiais, Termos Circunstanciados, procedimentos de apuração de ato infracional, lavrar Autos de Prisão em prisão em flagrante ou de consumição de juvenil e outros procedimentos; concede liberdade provisória aos presos que atuarem em flagrante delito (com fiança ou sem fiança), entre outros.

Requisitos: diploma em curso de nível superior completo de bacharel em Recta, fornecido por Instituição de Ensino Superior reconhecida pelo MEC, exigindo-se, no mínimo, três anos de atividade jurídica. A exigência de tempo de atividade jurídica será dispensada para os que contarem com, no mínimo, três anos de efetivo manobra em missão de natureza policial.

Médico Legista
Atribuições: supervisionar e executar perícias médico-legais em universal; realizar pesquisas de novos métodos na superfície de medicina lítico e produzir estudos, informações e pareceres técnicos; executar necropsias ou exames necroscópicos em humanos, em partes de cadáveres putrefeitos e esqueletizados; executar perícias de exumação; coletar amostras biológicas de humanos, realizar exames perícias em vivos, entre outros.

Requisitos: Diploma devidamente registrado pelo órgão competente de peroração de curso de graduação em Medicina, Registro no Juízo Regional de Medicina (CRM) e Carteira Vernáculo de Habilitação (CNH) na categoria “B”, no mínimo.

Agente de Polícia
Atribuições: proceder diligências investigatórias e do serviço policial; efetuar prisões de pessoas em flagrante e satisfazer mandados judiciais de prisão; conduzir presos e remanejá-los por meio de escoltas, proceder à realização de procura e consumição, interceptações telefônicas, infiltração, ação controlada, captação ambiental de sinais eletromagnéticos, ópticos ou acústicos; encaminhar veículos automotores em diligências e missões; manusear arma de incêndio do pilha policial e apreendido, entre outros.

Requisitos: Graduação de nível superior completo, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC e possuir CNH na categoria “B” válida.

Escrivão de Polícia
Atribuições: formalizar os atos e determinações do Solicitador de Polícia Judiciária; inspeccionar os trabalhos cartorários das delegacias; expedir, mediante requerimento certidões, traslados, requeridos por interessados, pelo Poder Judiciário, Ministério Público ou autoridades administrativas competentes; reduzir a termo, declarações apresentadas por pessoas relacionadas a procedimentos investigatórios, entre outros.

Requisitos: Graduação de nível superior completo, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC e possuir CNH na categoria “B” válida.

Perito Papiloscopista
Atribuições: realizar perícias oficiais, assim uma vez que as papiloscópicas, necropapiloscópicas e prosopográficas, elaborando os seus respectivos laudos; coletar vestígios papilares encontrados em locais de crimes; realizar pesquisas laboratoriais com reagentes para revelação de impressões e fragmentos papilares, muito uma vez que para regeneração de tecidos; elaborar retratos falados, projeções de rejuvenescimento e envelhecimento, disfarces, representação facial, entre outros.

Requisitos: graduação de nível superior completo, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC e possuir CNH na categoria “B” válida.

Técnico em Necropsia
Atribuições: remover e transportar cadáveres do lugar em que se encontrem até o Instituto Médico-Legítimo (IML); facilitar o médico nas necropsias e exumações; facilitar nas operações e dissecações, recomposições, suturas e pesagem de cadáveres, sob orientação direta do médico-legista; registrar a ingresso e saída dos cadáveres no IML.

Requisitos: Graduação de nível superior completo, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC e possuir CNH na categoria “B” válida.

Último concurso da PC-RO

O último concurso da Polícia Social de Rondônia aconteceu em 2014 e ofertou 144 vagas. As vagas foram para cargos de nível médio e superior nos cargos de Solicitador de polícia social (10), Perito criminal (08), Agente de polícia social (40), Escrivão de polícia social (70), Datiloscopista policial (05), Técnico de necropsia (07), Agente de criminalística (02) e Técnico de laboratório (02).

As remunerações variaram de R$ 3.332,46 para nível médio e R$ 11.213,14 para nível superior. Vale mencionar que os candidatos foram avaliados por meio das seguintes etapas:

Nível Superior
1. provas objetiva e discursiva, Teste de Capacidade Física (TAF) e avaliação de títulos;
2. prova verbal; e
3. curso de formação.

Nível Médio
1. prova objetiva e redação
2. teste de orientação física (TAF)

Os candidatos ao missão de Escrivão realizaram também uma prova de digitação. Os conteúdos das provas foram basicamente questões de Língua Portuguesa, Atualidades, Conhecimento Regional, Noções de Informática e Conhecimentos Específicos.

O concurso ficou a missão da secretária Instalação Professor Carlos Augusto Bittencourt (Funcab).

ARTIGOS RELACIONADOS

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -