terça-feira, maio 11, 2021

Concurso público para Soldado da PM se mantém inalterado

- Publicidade -

Nesta quarta-feira (14), em contato com a PGE-RR, a reportagem foi informada que a decisão da Justiça não caiu, mas só se aplicará para os próximos concursos

Os candidatos aprovados no concurso público para soldado da Polícia Militar, que ficaram classificados no cadastro de suplente, podem respirar aliviados. A decisão da Justiça somente será aplicada para os próximos certames.

Os classificados no cadastro de suplente ficaram preocupados porque entenderam que a decisão da justiça determinaria que o concurso da PM classificasse os candidatos em ampla concorrência. Ou seja, sem a relevo de percentual de vagas específicas para homens (85%) e mulheres (15%).

“O edital prevê isso, esse quantitativo de vagas para homens e mulheres. Mas, ficamos sabendo que um grupo de mulheres entrou na Justiça que decidiu favorável à elas. Isso mudaria a classificação, pois as mulheres não concorreriam mais somente entre elas. Zero contra e até fiquei feliz por essa conquista delas, mas isso traria alterações no curso do processo e prejudicaria os candidatos que ficaram em boa classificação no cadastro de suplente”, comentou um candidato.

UERR

No dia 13 deste mês (terça-feira), a UERR publicou no https://cpc.uerr.edu.br/?p=6708 a seguinte informação: “Concurso PM 2018 Ed 001/2018 – NOTA: Informamos que a retificação da homologação do resultado final do Concurso Público para Soldado PM 2ª Classe, editado no dia 12 de abril deve ser desconsiderada, retornando a publicação do dia 10 de março de 2021 porquê a solene. Resultado Final (10/03/2021): Clique Cá.”

PGE-RR

Também no dia 13, em resposta à demanda enviada pela reportagem, a Procuradoria Universal do Estado de Roraima informou que, “tendo em vista a Decisão proferida na Ação Direta de Inconstitucionalidade nº. 9000312-06.2020.8.23.0000, a Polícia Militar de Roraima expediu o despacho nº 21, convocando as candidatas contempladas pela decisão judicial, atendendo à ordem de classificação feita pela Universidade Estadual de Roraima (UERR). Informou ainda que o referido concurso público encontra-se com todas as suas fases concluídas e os candidatos aprovados se encontram devidamente convocados e matriculados no Curso de Formação de Soldados – CFSD/PMRR/2021.

Nesta quarta-feira (14), em contato com a PGE-RR, a reportagem foi informada que a decisão da Justiça não caiu, mas só se aplicará para os próximos concursos.

ARTIGOS RELACIONADOS

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -