segunda-feira, maio 17, 2021

Concurso SEDUC RO 2021: Edital para efetivos tem percentagem formada

- Publicidade -

A Secretaria de Estado da Ensino de Rondônia vai furar um novo edital de concurso público (Concurso SEDUC-RO) em breve. A percentagem organizadora do próximo torneio já foi definida, conforme publicação no Quotidiano Solene do Estado do dia 08 de abril.

Segundo o documento publicado, o grupo de trabalhado formado terá missão de fazer o levantamento do quantitativo de vagas e cargos. O processo faz secção dos postos que não foram preenchidos no concurso público anterior.

As vagas do concurso SEDUC-RO 2021 será para as reposições decorrentes de vacâncias por aposentadorias, exonerações, falecimentos, entre outros motivos.

Veja a percentagem organizadora do concurso:

  • Francisco de Assis Silva Cuellar (presidente) – Superintendência Estadual de Gestão de Pessoas (Segep);
  • Laercio Cavalcante Monteiro (membro) – Segep;
  • Socorro Maria Santos Silva (membro) – Segep;
  • Beatriz Ramos Correa (membro) – Seduc;
  • Márcia de Almeida Galvão (membro) – Seduc; e
  • Maria das Neves Oliveira Souza (membro) – Seduc.

Agora, com a percentagem formada, os próximos passos serão:

  • elaboração do projeto substancial (a partir do estudo de cargos e vagas); e
  • processo de contratação da secretária organizadora para receber inscrições e impor provas

Ainda não há um prazo para publicação do edital do concurso SEDUC-RO 2021.

Último concurso SEDUC-RO

O último edital do concurso SEDUC-RO para cargos efetivos foi crédulo em 2016. Na estação, o edital contou com zero menos que 672 vagas, distribuídas entre os cargos de professor classe C (553), crítico educacional (46) e técnico educacional (73). O Instituto Brasílio de Esteio e Desenvolvimento Executivo (Ibade) organizou o torneio.

As vagas do concurso SEDUC-RO para professor classe C foram distribuídas por matérias de Professor (Artes, Biologia, Ensino Física, Filosofia, Física, Geografia, História, Libras, Espanhol, Inglês, Português, Matemática, Séries Inciais, Química e Sociologia), Orientador Escolar, Supervisor Escolar, Gestor, Assistente Social, Biblioteconomista, Contador, Economista, Nutricionista e Psicólogo.

No caso de Crítico Educacional, as oportunidades foram distribuídas entre as áreas de Gestão, Serviço Social, Biblioteconomia, Ciências Contábeis, Economia, Nutrição e Psicologia.

Os cargos de Crítico e Professor exigiram nível superior completo. O salário do incumbência foi de R$2.218,25, enquanto o crítico tinha vencimentos de R$2.451,25.

O restante das vagas, 73, foram destinadas para Técnico Educacional, distribuídas entre as áreas de cuidador (42), tradutor de Libras (26) e revisor cego (05). Cá, a exigência foi de nível médio. No caso de tradutor e revisor, foi necessário, ainda, formação na dimensão. O salário inicial para o técnico educacional era de R$1.104,74.

As vagas do concurso foram para Guajará Mirim, Jaru, Ji-Paraná, Alvorada do Oeste, Presidente Médici, Província de Estrela de Rondônia, Província de Novo Riachuelo, Porto Velho, Rolim de Moura, São Francisco do Guaporé, Vilhena, Ouro Preto do Oeste, Pimenta Bueno, entre outras cidades especificadas no edital.

Para nível superior, as questões foram de Língua Portuguesa, História e Geografia de Rondônia, Conhecimentos Pedagógicos e Conhecimentos Específicos. Já para os de nível médio, foram cobradas as disciplinas de Língua Portuguesa, História e Geografia de Rondônia, Informática Básica e Conhecimentos Específicos.

A validade do concurso foi de 12 meses, mas com possibilidade de prorrogação por igual período.

ARTIGOS RELACIONADOS

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -