terça-feira, abril 20, 2021

Concurso TJ AP: carteira examinadora será d…

- Publicidade -

Oconcurso TJ APpara a magistratura ganhará novos rumos esta semana e começa já nesta quarta-feira, 24. Isso porque foi anunciado pelo órgão que será escolhida a carteira examinadora para a seleção de juiz substituto.

A informação foi confirmada pelo próprio Tribunal de Justiça do Estado do Amapá, em transmitido solene divulgado no seu portal.

A carteira examinadora, de conciliação com o órgão, será definida em Sessão Administrativa do Pleno do TJAP. O tribunal ainda informou que esta será a última sob a presidência do desembargador João Lages.

A Sessão será iniciada logo posteriormente a Ordinária Judicial marcada para às 8h, com transmissão pelo conduto do Judiciário no YouTube. 

Além da carteira, a sessão discutirá outros temas uma vez que a “proposta de Solução para regulamentação das condições especiais de trabalho para magistrados e servidores com deficiência, necessidades especiais, doença grave ou que sejam pais ou responsáveis por dependentes nessas mesmas condições.”

Concurso TJ AP de juiz começa a definir a carteira examinadora
(Foto: Jaciguara Cruz)

Resumo do concurso TJAP

  • Órgão: Tribunal de Justiça do Estado do Amapá
  • Mesa: a definir
  • Função: juiz substituto
  • Vagas: sete
  • Requisito: bacharel em Recta
  • Status: percentagem formada

O que é preciso ter para participar?

Para concorrer ao incumbência de juiz substituto, é necessário ter o curso de bacharel em Recta e justificar os três anos de prática jurídica, exercidas posteriormente a obtenção do proporção de Bacharel.

A curso de juiz substituto proporciona uma remuneração inicial de R$30.404,40.

Concurso TJ AP: projeto indispensável revela detalhes da seleção

Recentemente, a Folha Dirigida teve entrada ao documento de projeto indispensável disponibilzado no Quotidiano Solene da Justiça Eletrônico, a término de ser disponibilizado para consulta das bancas organizadoras.

Ele serve de espelho para que as empresas enviem suas propostas técnicas. Logo, acaba confirmando informações importantes, que você confere a seguir:

♦ Taxas

De conciliação com o projeto indispensável, o valor supremo a ser retraído uma vez que taxa de letreiro é de 1% do subvenção do incumbência de juiz, que tem valor de R$30.404,40.

Dessa forma, o supremo a ser cobrado por candidato poderá ser de R$304,04, havendo isenção nos seguintes moldes:

  • Inscritos no CadÚnico
  • Portadores de necessidades especiais e reconhecidamente pobres
  • Doadores de sangue
  • Portadores de necessidades especiais física, auditiva e visual

♦ Estimativa de candidatos

O tribunal informa que não é verosímil prezar uma quantidade de inscritos de forma científica. Portanto, utiliza-se uma vez que parâmetro o último concurso, que obteve 1.056 inscrições deferidas.

♦ Etapas de seleção

  • lanço: Prova objetiva seletiva, de caráter supressório e classificatório;
  • 2ª lanço: Provas escritas (discursivas e de sentenças), de caráter supressório e classificatório;
  • lanço: Está lanço será composta de quatro subfases, de caráter supressório;
    -> letreiro definitiva
    -> sindicância da vida pregressa e investigação social
    -> examinação de sanidade física e mental
    -> examinação psicotécnico
  • lanço: Prova verbal, de caráter supressório e classificatório;
  • lanço: Avaliação de títulos, de caráter classificatório.

Folha Cursos

TJ AP para juiz foi autorizado e formou percentagem em outubro

Pela segunda vez, o concurso TJ AP para juiz foi autorizado novamente em outubro de 2020. Mas, outrossim a percentagem organizadora também foi formada.

Com uma terceira autorização, o concurso TJ AP está definitivamente confirmado para ser desimpedido. O Tribunal de Justiça do Estado do Amapá está perto de confirmar o edital para juízes substitutos.

No novo aval, o presidente desembargador João Guilherme Lages Mendes justifica que a autorização é principalmente pelo motivo que já se ‘exauriu a lista de aprovados e a validade do último concurso para juízes

Além de autorizar, ele também constitui uma novidade percentagem organizadora, que ficará responsável pela realização do concurso TJ AP para juízes.

tribunal já havia formado uma percentagem organizadora em julho de 2020. O atual grupo tem um número maior de membros e fica formado da seguinte maneira:

  • Carmo Antônio de Souza (desembargador)
  • Sueli Pereira Pini (desembargadora)
  • Edivan Silva dos Santos (jurista)
  • Gilberto de Paula Pinho (desembargador)
  • Carlos Augusto Tork de Oliveira (desembargador)
  • Virginia Rufino Borges Agra (advogada)

Prepare-se para o concurso TJ AP com a Folha Cursos

Folha Cursos chegou para apressar os seus estudos e você vai conseguir encontrar materiais completos, otimizados e sem enrolação:

Confira a seguir os cursos preparatórios já disponíveis!

Por incumbência

Por curso

Gostou da novidade? Clica lá em cima no botão das redes sociais e compartilha essa super oportunidade com os seus amigos. 

ARTIGOS RELACIONADOS

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -