quinta-feira, abril 22, 2021

Conheça os três benefícios previstos para atender os segurados do INSS

- Publicidade -

O Governo Federalista não pretende limitar-se unicamente ao mercê do auxílio emergencial. Diante os avanços da pandemia decorrente o coronavírus, três novas medidas devem ser liberadas para ajudar os aposentados e pensionistas do INSS.

Liberação de benefícios

A expectativa é liberar esses três benefícios nas próximas semanas. Dentre eles, dois seriam direcionados especificamente para os aposentados e pensionistas do INSS e o outro mercê seria para os trabalhadores que vão precisar do auxílio-doença e auxílio acidente. Acompanhe a reportagem para saber mais.

  • Auxílio-doença sem perícia

O Congresso Pátrio permitiu que o INSS pudesse fazer a perícia médica de forma não presencial para declarar a incapacidade de trabalhadores que solicitarem o auxílio-doença e auxílio-acidente.  As análises para a contemplação será unicamente por meio de documentos.

A medida foi estabelecida na lei que autoriza o aumento da margem do crédito consignado de 35% a 40% para os aposentados e pensionistas do INSS. No entanto, mesmo com a aprovação no Senado Federalista e na Câmara dos Deputados, a medida aguarda a licença do presidente da república, Jair Bolsonaro.

Depois a aprovação, a medida será válida até o dia 31 de dezembro de 2021. Tendo em vista, que foi criada com o objetivo de reduzir as aglomerações nos órgãos do Instituto.

  • Margem do crédito consignado

A novidade margem do empréstimo consignado também já foi aprovada. A iniciativa veio por meio da aprovação da MP 1006/20 que amplia de 35% para 40% o limite que os segurados podem comprometer com a renda de empréstimos.

Desses 40%, 35% seriam destinados a pedidos de créditos e 5% a cartões de créditos. Atualmente os aposentados podem comprometer até 30% do mercê com crédito consignado e 5% com cartão de crédito.

Mas, a medida aguarda a sanção do presidente Jair Bolsonaro, e será válida até o dia 31 de dezembro de 2021. Vale lembrar que ela incluirá novos grupos, porquê servidores públicos ativos e inativos, muito porquê militares.

  • Antecipação do 13º salário

Depois do demora na aprovação do Orçamento de 2021 pelo Congresso Pátrio, a antecipação do 13º salário do INSS deve ser liberada nos próximos dias. A previsão estava para o mês de fevereiro.

A possibilidade de gastos do Governo só será destrava através da aprovação da folha orçamentária, até lá, o mesmo não pode fazer compromisso com qualquer medida que vincule distribuição de renda.

A votação para prometer o aval do Orçamento está prevista para o dia 24 março. O que consequentemente, leva a uma expectativa que a antecipação do 13º salário aconteça entre os meses de abril e maio.

ARTIGOS RELACIONADOS

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -