quinta-feira, fevereiro 25, 2021

Goinfra oferece 140 vagas de trabalho temporárias com salários de até R$ 4,6 milénio

- Publicidade -

A Escritório Goiana de Infraestrutura e Transporte (Goinfra) acaba de anunciar a franqueza de 140 vagas temporárias para Goiânia (GO). As oportunidades são destinadas a profissionais das áreas de engenharia, arquitetura e urbanismo, biologia e geologia. As inscrições devem ser realizadas até dia 26 de fevereiro diretamente pelo site da Escola do Governo, disponível em https://www.escoladegoverno.go.gov.br/.

Os cadastros somente serão efetivados posteriormente o pagamento da taxa de letreiro, com valor atual de R$ 50. É provável, no entanto, solicitar a isenção da taxa de letreiro no portal de seleção. Para tanto, é preciso ser membro de família cuja renda familiar seja subordinado a 2 (dois) salários mínimos, mediante comprovantes de
rendimento ou prova de que é beneficiário de programa federalista ou estadual de transferência de renda, nos termos da Lei n°19.587/2017. O mercê poderá ser outorgado, ainda, a doadores de sangue, desde que comprovem a requisito de doador regular, por, pelo menos, 3 (três) vezes nos últimos 12 (doze) meses, e a pessoas inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federalista – CadÚnico.

Sobre o processo seletivo

Ao todo, o órgão oferece 121 chances para a posição de engenharia social. As demais estão divididas entre as áreas de engenharia mecânica, engenharia elétrica, engenharia agrimensura, arquitetura e urbanismo, engenharia florestal/agrônomo, engenharia ambiental, biologia e geologia.

De concórdia com o edital publicado, o contrato terá a duração de três anos com possibilidade de prorrogação por mais dois anos. Os aprovados receberão um salário de R$ 4.665,82 – igual para todas as posições – e terão uma trouxa horária de trabalho de 40 horas semanais.

A seleção dos candidatos será realizada em duas etapas. A primeira delas consiste na estudo curricular, já a segunda prevê a uma entrevista com caráter classificatório e supressório. Os profissionais vão atuar no programa Goiás em Movimento, que prevê a retomada de obras paralisadas.

Os requisitos de cada uma das vagas pode ser confirmado no edital, que também está disponível no site da Escola do Governo.

ARTIGOS RELACIONADOS

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -