governador anuncia tapume de 5 milénio va…

- Publicidade -

Posteriormente se reunir com secretários na manhã desta terça-feira, 1º, o governador Renan Fruto confirmou que serão abertas tapume de 5 milénio novas vagas em concursos Alagoas. Os editais estão previstos para o primeiro semestre de 2021.

“O Estado deseja promover concurso para as áreas sociais: Segurança Pública, Saúde, Ensino e também para a estruturação da extensão meio, em algumas carreiras, mormente aquelas tipicamente de Estado, aquelas que, independentemente das mudanças tecnológicas que possam surgir adiante, continuarão sendo feitas por servidores exclusivamente contratados por concurso público”, afirmou o governador.

De entendimento com Renan Fruto, a elaboração de alguns editais está mais avançada, porquê os concursos PM AL e Bombeiros AL. Nesse caso, serão abertas vagas para soldados e oficiais.

Ainda na extensão da Segurança Pública, o governo também prevê o lançamento do concurso público da Perícia Solene. As carreiras, no entanto, não foram reveladas.

O governador revelou também que se encontra em período final de estruturação o concurso para Secretaria de Saúde do Alagoas (Sesau AL), um dos maiores aguardados.

“Será um concurso espaçoso para várias carreiras da saúde pública, porquê médicos, enfermeiros, auxiliares de enfermagem, nutricionistas, assistentes sociais, psicólogos, terapeutas ocupacionais, entre outras”, disse.

Já o concurso para a Secretaria de Ensino também está previsto para 2021. Segundo o estado, a seleção oferecerá vagas para professores, mas há também estudo para destinar um quantitativo para a extensão Administrativa das escolas.

“Vamos fazer um espaçoso ciclo de concursos no ano que vem, justamente por conta da pandemia que aconteceu em 2020 e que nos impediu de realizá-los. Isso será um marco significativo para o Estado e nós esperamos que, no totalidade, tenhamos mais de cinco milénio vagas para todas essas carreiras”, finalizou Renan Fruto.

A reunião desta terça-feira, 1º, discutiu a realização de concursos públicos em Alagoas e ocorreu no Salão de Despachos do Palácio República dos Palmares.

Participaram do encontro o secretário do Gabinete Social, Fábio Farias; da Rancho, George Santoro; do Planejamento, Gestão e Patrimônio, Fabrício Marques; além da secretária peculiar do Tesouro Estadual, Renata Santos; do presidente da Alagoas Previdência, Roberto Moisés; do secretário peculiar de Patrimônio, Sérgio de Figueiredo; e do procurador-geral do Estado, Francisco Malaquias. 

Renan Fruto anuncia concursos Alagoas 2021
(Foto: Marcio Ferreira)

Confira os concursos Alagoas previstos para 2021

Nos últimos dias, Renan Fruto tem prometido concursos em sua gestão. Recentemente, ele negou a realização de uma seleção para temporários na Polícia Militar, confirmando que o concurso PM AL será realizado em 2021 e para efetivos.

Já em setembro, Renan Fruto anunciou que realizará, no próximo anos, cinco novos concursos públicos. Confira os concursos 2021 Alagoas:

Na última segunda, 30 de novembro, o governador voltou a confirmar esses editais para o próximo ano, mas anunciou mais três seleções, que devem ocorrer até 2022. São elas:

Concurso PC AL prevê 300 vagas

Para a PC AL, são esperadas 300 vagas. O concurso deve recontar com oportunidades nos cargos de agente e procurador, conforme avançado por Folha Dirigida.

Anteriormente, o governador já havia afirmado que, deste totalidade, 40 vagas devem permanecer para a curso de procurador. Para concorrer, é preciso ter nível superior em Recta.

O vencimento atual para os delegados ainda não foi divulgado. Em 2012, quando foi realizada a última seleção, o valor inicial era de R$12.593,22.

Já o função de agente de polícia tem o nível superior e a Carteira de Habilitação porquê exigências. O proveito inicial da curso é de R$3.800, podendo chegar a R$10.763,58 com as progressões por tempo de serviço e por cursos de formação.

♦Veja o que caiu no último concurso da Polícia Social AL♦

Concurso Polícia Penal AL aguarda 250 vagas

Para o concurso Polícia Penal AL foram solicitadas 250 vagas para a curso que, até pouco tempo, tinha a nomenclatura de agente penitenciário. 

No entanto, com a geração da Polícia Penal, o função foi denominado porquê policial penal.

Segundo o vice-presidente do Sindapen, Kleyton Anderson, a curso tem porquê requisito a epílogo do nível superior. Já os ganhos iniciais previstos são de R$3.800.

A novidade seleção é aguardada desde fevereiro, quando o Ministério Público expediu uma formalidade para o concurso.

De entendimento com o MP, ocorreram contratações irregulares empreendidas pela Superintendência Universal de Gestão Penitenciária de Alagoas, tendo sido, inclusive, a situação reconhecida pelo órgão.

A pasta relatou a existência de 891 funcionários admitidos sem concurso público, unicamente no ano de 2012.

Assine a Folha Dirigida e turbine os estudos

Uma vez que diz na ação do MP, com a geração da Polícia Penal, os agentes penitenciários são equiparados aos policiais (civis, militares e federais), não sendo verosímil crer que permanecerão pessoas contratadas de forma irregular exercendo tal atribuição.

“Portanto, mais que necessário se faz a sinceridade de processo para a realização de concurso público e a contratação de policiais penais para trenar a função de guarda e vigilância nos presídios”, diz a ação do MP.

Concurso PM AL é esperado desde 2019

O concurso PM AL chegou a ser anunciado ainda em 2019, quando Renan Fruto divulgou a intenção de publicar mais editais para a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros. Antes, no entanto, o governo deveria concluir as seleções anteriores.

Logo que houve o proclamação, a previsão do governador era de que os editais seriam publicados ainda em 2019 ou no início de 2020. Mas isso não ocorreu, ficando as seleções previstas agora para 2021.

A intenção do governador é preencher 500 vagas para a curso de soldado. Na PM, a curso exige nível médio completo e idade entre 18 e 30 anos. A corporação ainda pede profundidade mínima de 1,65m (sexo masculino) ou 1,60m (sexo feminino).

Concurso PGE AL está previsto

A Procuradoria Universal do Estado de Alagoas não realiza novos concursos para procuradores há 11 anos. Durante esse tempo, cresceu o volume de demandas ao passo que o número de cargos vagos também aumentou.

Em outubro, a Associação dos Procuradores do Estado de Alagoas (APE AL) apontou essa carência de pessoal , em nota.

“A Procuradoria Universal do Estado atua com um volume enorme e crescente de demandas, administrativas e judiciais, e precisa de condições e estrutura de trabalho para o desenvolvimento de suas funções tão essenciais à preservação do estado democrático de recta e à resguardo do patrimônio público”, disse a Associação.

De entendimento com o documento obtido por Folha Dirigida, existem 37 cargos vagos de procuradores de Estado. O que indica 30% do efetivo da curso.

Há também um grande número de licenças médicas na instituição, o que traz impactos na fardo de trabalho dos membros em atividade. Para a Associação de Procuradores do Estado, estruturar a PGE AL não é uma despesa e sim um investimento.

Por sua vez, a Procuradoria já reconheceu a carência de pessoal e autorizou um novo concurso PGE AL. Em sessão, no dia 24 de setembro, o Recomendação Superior do órgão aprovou a seleção com 15 vagas para procurador.

A curso exige o nível superior em Recta e registro porquê jurisperito na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). O salário inicial dos procuradores é de R$30.404,42

Concurso Sesau AL será para novos hospitais

Com a inauguração de novos hospitais, o concurso para Secretaria de Saúde do Alagoas (Sesau AL) é uma urgência do atual governo. Segundo Renan Fruto, o edital estava previsto para levante ano, mas será publicado em 2021 devido à pandemia.

Ao todo, tapume de 800 vagas estão previstas. O número de oportunidades foi divulgado pelo governador, em setembro de 2019.

O objetivo é preencher o quadro de profissionais dos novos hospitais, porquê o Hospital da Mulher e mais outras quatro unidades.

“Na saúde pública, vamos fazer sim novos concursos. Eventualmente, vamos perfurar concurso para suprir os profissionais que já estão saindo da rede ou para atender aos novos hospitais”, disse o governador na quadra. 

Concurso Seduc AL deve ocorrer periodicamente

Outra seleção anunciada em 2019 é a da Secretaria de Ensino. Segundo Renan Fruto, a política de concursos regulares para a pasta será adotada.

Em junho deste ano, Alagoas realizou um processo seletivo com mais de 160 vagas temporárias. Todas as oportunidades foram para cargos de nível superior.

As oportunidades foram distribuídas por funções das seguintes áreas:

  • Desenvolvimento Educacional e Social;
  • Gestão e Negócios;
  • Informação e Notícia;
  • Controle e Processos Industriais;
  • Infraestrutura;
  • Produção Cultural e Design;
  • Recursos Naturais; e
  • Turismo, Hospitalidade e Lazer.

Os salários oferecidos aos profissionais, no entanto, não foram informados no edital, assim porquê fardo horária. O processo seletivo foi realizado por meio de uma estudo de títulos.

ARTIGOS RELACIONADOS

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -