quinta-feira, maio 6, 2021

IBGE abre concursos com mais de 12,5 milénio vagas no RS para Recenseamento 2021 | Rio Grande do Sul

- Publicidade -

Os editais foram publicados nesta quinta-feira (18) no Quotidiano Solene da União. Em todo o Brasil, são 204.307 vagas.

São dois processos seletivos e há vagas distribuídas para praticamente todos os municípios do país.

Para as vagas de recenseador, as inscrições começam no dia 23 de fevereiro e vão até 19 de março. É verosímil se inscrever pelo site. A taxa de matrícula é de R$ 25,77.

Para as vagas de agente censitário municipal e agente censitário supervisor, as inscrições começam nesta sexta-feira (19) e vão até 15 de março pelo site. A taxa de matrícula é de R$ 39,49.

Veja a distribuição de vagas no RS e salários:

  • 1.384 vagas para Agente Censitário Municipal e Agente Censitário Supervisor. Salários vão de R$ 1.700 a R$ 2.100.
  • 11.198 vagas para recenseador. Remuneração por produção, de tratado com o número de domicílios visitados e questionários respondidos.

Para a função de recenseador, é exigido ensino fundamental completo.

O recenseador é o responsável por fazer o trabalho da coleta de dados por meio de entrevistas com os moradores.

A previsão de duração do contrato é de até 3 meses, podendo ser prorrogado, com base nas necessidades de desfecho das atividades do Recenseamento Demográfico 2021 e na disponibilidade de recursos orçamentários.

A remuneração é calculada por produção, com base:

  • no número de unidades visitadas;
  • taxa de remuneração dos setores censitários;
  • número de questionários respondidos;
  • número de pessoas recenseadas

O coordenador de Recursos Humanos do IBGE, Bruno Malheiros, explicou que a remuneração do recenseador é variável e não há um piso nem um teto de quanto ele poderá receber. “Quanto mais entrevista ele realiza, quanto mais coleta ele faz, mais ele recebe”, explica.

O recenseador não tem horário fixo. Espera-se que dedique ao menos 25 horas por semana, inclusive nos feriados e finais de semana.

Em média, há 300 domicílios por setor censitário. O tempo de coleta de um setor varia segundo suas características e o tempo quotidiano que o recenseador dedica ao trabalho. É verosímil que um recenseador consiga completar mais de um setor ao longo do período da coleta.

O profissional também terá recta a 13º salário e às férias proporcionais aos dias trabalhados e à produção.

Os recenseadores aprovados no processo seletivo terão treinamento com duração totalidade de 5 dias e fardo horária de 8 horas diárias, constituído por duas etapas: autoinstrução (leitura prévia do Manual do Recenseador) e curso presencial.

Ao final da lanço presencial, o candidato realizará o teste final do treinamento e precisa ter 50% de acertos e, pelo menos, 80% de frequência. O IBGE destacou que será oferecida uma ajuda de dispêndio para os candidatos que tiverem pelo menos 80% de frequência no treinamento presencial.

Caso haja urgência de reposição de pessoal, depois de esgotada a suplente de candidatos treinados, poderão ser convocados novos candidatos, obedecendo-se à classificação nas provas objetivas, sem ultrapassar o número de vagas previsto.

Para as funções de agente censitário, é exigido ensino médio completo.

O agente censitário municipal gerencia o posto de coleta e, durante todo o trabalho do Recenseamento Demográfico 2021, estará primeiro de dois tipos de ações:

  • Administrativas – controle e gestão dos recursos humanos e materiais do Posto de Coleta;
  • Técnico-operacionais – gestor de uma equipe de Agentes Censitários Supervisores e recenseadores em que acompanhará e orientará a Coleta de Dados.

O agente censitário supervisor exerce as tarefas de supervisão da operação censitária, com foco nas questões técnicas e de informática e administrativas. Está subordinado ao Agente Censitário Municipal. Sua principal função é escoltar, calcular e, sobretudo, orientar os Recenseadores durante a realização dos trabalhos de campo.

A duração dos contratos é de 5 meses, podendo ser prorrogado, com base nas necessidades de desfecho das atividades do Recenseamento Demográfico 2021 e na disponibilidade de recursos orçamentários.

Ao candidato que obtiver melhor classificação será oferecida a vaga de Agente Censitário Municipal. Aos demais candidatos classificados serão asseguradas as vagas de Agente Censitário Supervisor, obedecida a ordem de classificação.

A jornada de trabalho é de 40 horas semanais, sendo 8 horas diárias.

VÍDEO: Veja as últimas notícias de Economia

ARTIGOS RELACIONADOS

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -