segunda-feira, abril 19, 2021

Murado de 15 milénio candidatos fazem concursos de prefeituras e câmaras da PB neste domingo (1°) | Paraíba

- Publicidade -

Aproximadamente 15 milénio candidatos participam de seis concursos de prefeituras e câmaras municipais da Paraíba neste domingo (1°). Os candidatos devem comparecer ao lugar de prova de máscara e podem levar álcool gel em recipiente transparente.

Os concursos para as câmaras municipais de Cabedelo e Bayeux e para as prefeituras de São Miguel, Jacaraú, Tenório e Planura Grande são organizados pela Percentagem Permanente de Concursos (CPCon).

Os candidatos devem comparecer aos locais de prova com máscara e documento de identidade original. Serão eliminados os candidatos que tiverem um recipiente de álcool em gel que não seja transparente, que não usarem máscara e que não permitirem a verificação de temperatura corporal.

As provas também terão a duração mínima de duas horas e máxima de quatro horas. O candidato que transpor antes do prazo mínimo estipulado também será eliminado.

Na prova, os candidatos deverão utilizar caneta esferográfica, de material transparente e tinta azul ou preta.

Candidatos deverão utilizar caneta esferográfica, de material transparente e tinta azul ou preta — Foto: Ilustração: Diogo Almeida/G1

Características da mesa

Além das regras, as provas têm outra coisa em geral, de harmonia com o professor de português Erik Anderson: a prova de português.

Segundo o professor, a mesa costuma infligir a mesma prova de português em concursos de cidades diferentes, quando eles ocorrem na mesma data e horário. De harmonia com Erik Anderson, a diferença está na escolaridade dos cargos. Por exemplo: os cargos de nível médio de cidades diferentes fazem a mesma prova de português, com as mesmas questões. O mesmo ocorre para os cargos de nível superior.

Outro fator importante é que a prova de português tem o segundo maior peso entre as disciplinas, ficando detrás unicamente de conhecimentos específicos. Segundo o professor, as provas de português da CPCon exploram uma boa variedade de gêneros e tipologias textuais, portanto é bom o candidato estar prestes para ler charge, tiras, cartum, texto informativo, texto opinativo, texto literário e até letra de música.

Ou por outra, costumam ser abordadas nas provas tapume de 80% a 100% do teor programático de gramática previsto no edital. Para os candidatos, o professor dá as seguintes dicas:

  • Estar agudo(a) em estudo sintática da reza e do período é muito importante;
  • É preciso um zelo próprio com a diferença que a vírgula gera entre reza explicativa (com vírgula) e reza restritiva (sem vírgula);
  • Outro paisagem importante é o reconhecimento dos gêneros textuais, mormente quanto à sua estrutura, propósito comunicativo e linguagem;
  • Por término, permanecer ligado nos valores do QUE e do SE no famigerado verbo “ter”.

Provas deste domingo (1°):

Vídeos mais assistidos do G1 Paraíba

ARTIGOS RELACIONADOS

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -