sexta-feira, fevereiro 26, 2021

PC RN delongado? corporação e sindicato fal…

- Publicidade -

concurso PC RN pode ter suas provas adiadas. Marcados para março, os exames podem ter um novo cronograma, caso um sindicância social que está em curso seja concluído com essa regra.

Na última semana, a Promotoria de Justiça de Natal instaurou um sindicância para debater a conveniência e a urgência de diferimento das avaliações escritas da seleção.

O processo considera a Lei Estadual 10.727/2020, que determina a suspensão das etapas e fases dos concursos públicos realizados anteriormente à publicação do Decreto Estadual n.º 29.534/2020 até o término da vigência do estado de calamidade pública.

O decreto ficou vigente até o final de dezembro de 2020, mas logo em seguida foi prorrogado até abril deste ano no Rio Grande do Setentrião. Portanto, a suspensão das fases das seleções deveriam continuar valendo no estado, segundo a promotoria. 

Pelo processo, o presidente da percentagem do concurso terá 15 dias para se manifestar sobre o diferimento ou não das provas. Na semana passada, em suas redes sociais, a PC RN afirmou que tomou conhecimento do sindicância por meio do Quotidiano Solene do Estado.

Segundo a corporação, “a percentagem do concurso se reunirá para para investigar o documento e deliberar sobre o texto do referido sindicância”

Já a Associação de Delegados de Polícia (Adepol RN) se manifestou contrariamente ao diferimento.

“A Associação de Delegados é contrária à possibilidade de diferimento que está sendo analisada, por entender que o concurso é fundamental para melhorar a prestação do serviço da Polícia Social e que é verosímil fazer o concurso seguindo as recomendações das autoridades de saúde contra a Covid-19”, disse a categoria.

Até o momento, as provas objetivas seguem marcadas para o dia de 7 de março (agente e escrivão) e 14 de março (procurador).

Concurso PC RN pode ter provas adiadas
(Foto: Adepol RN)

 Resumo sobre a seleção!

  • Órgão: Polícia Social do Rio Grande do Setentrião
  • Cargos: agente de polícia, procurador e escrivão
  • Vagas: 301
  • Requisitos: nível superior
  • Remuneração: R$4.731,91 (agentes e escrivães) e R$16.670,59 (procurador)
  • Carteira: Instalação Getulio Vargas (FGV)
  • Inscrições: de 2 a 21 de dezembro de 2020
  • Provas: 7 e 14 de março (podem ser adiadas)

Saiba porquê serão as provas do concurso PC RN

Os candidatos do concurso da Polícia Social do Rio Grande do Setentrião serão avaliados em diversas etapas, sendo elas:

  1. provas objetivas e discursivas;
  2. avaliação física (exceto para o missão de escrivão) ou prova prática (somente para o escrivão);
  3. examinação psicotécnico; e
  4. curso de Formação. 

A prova objetiva contará com 100 questões, que serão distribuídas da seguinte forma:

Agente e escrivão

  • Língua Portuguesa (20 perguntas);
  • Raciocínio Lógico-Matemático (dez);
  • Noções de Informática (dez);
  • Noções de Governo (dez);
  • Noções de Contabilidade (dez);
  • Noções de Recta Constitucional (dez);
  • Noções de Recta Penal, Processual Penal e Legislação Extravagante (15);
  • Noções de Recta Administrativo (dez); e
  • Noções de Medicina Lítico (cinco).

Representante

  • Recta Constitucional (15);
  • Recta Penal (15);
  • Recta Processual Penal (15);
  • Legislação Penal e Processual Penal Extravagante (15);
  • Recta Administrativo (15);
  • Recta Financeiro e Tributário (cinco);
  • Recta Ambiental (cinco);
  • Medicina Lítico (cinco);
  • Criminalística (cinco); e
  • Criminologia (cinco).

Prepare-se para concursos com a Folha Cursos

Folha Cursos

Para ser legalizado será preciso concertar, no mínimo, 50 questões. Somente os primeiros 600 candidatos aprovados, na ampla concorrência no missão de procurador, terão as provas discursivas corrigidas. 

No caso do agente e do escrivão, somente serão corrigidas as avaliações dos primeiros 1.500 e 600 aprovados, respectivamente, na ampla concorrência.

Conforme o edital, a prova discursiva será realizada no mesmo dia da objetiva, sendo 7 de março para agente e escrivão (das 8h às 13h30) e 14 de março para o procurador (das 15h às 19h), conforme o cronograma atual.

Os aprovados serão convocados para as demais etapas. Caso um candidato habilitado na prova discursiva esteja participando do concurso simultaneamente para o missão de escrivão e procurador, a partir desta lanço será preciso optar pelo missão que deseja prosseguir no concurso.

Isso ocorre porque, segundo o edital, o cronograma previsto para o TAF e para a prova prática são coincidentes e inviabilizarão a realização das etapas de maneira concomitante.

enlightenedConcurso pode ter até 903 candidatos aprovados. Entenda!

Concurso PC RN oferece 301 vagas

Ao todo, a Polícia Social do Rio Grande do Setentrião oferece 301 vagas imediatas, sendo:

  • 47 para procurador;
  • 230 para agente; e
  • 24 para escrivão.

Os cargos têm o nível superior porquê requisito. No entanto, no caso do procurador, é preciso ter graduação completa em Recta. A PC RN exige ainda carteira de habilitação a partir da categoria B para todos os candidatos.

Em maio de 2020, os salários iniciais e finais passaram por reajustes. Desta forma, os aprovados receberão os seguintes vencimentos.

   Salário Inicial   Salário final 
Representante  R$16.670,59  R$25.632,97
Agente  R$4.731,91  R$10.468,63
Escrivão  R$4.731,91  R$10.468,63

ARTIGOS RELACIONADOS

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -