quinta-feira, fevereiro 25, 2021

percentagem formada; novo edital pode ser publicado

- Publicidade -

Em seguida longo período de suspensão, um novo concurso CRF MA (Parecer Regional de Farmácia do Maranhão) foi retomado e pode ter edital em breve. Isso porque a percentagem responsável pelos estudos de uma novidade seleção foi formada.

Confira uma traço do tempo desse torneio: o concurso CRF MA foi autorizado em outubro de 2019. Em novembro do mesmo ano, a mesa Sousândrade foi contratada. Pouco tempo depois, em dezembro, o edital foi publicado. No ano seguinte, em fevereiro de 2020, a seleção foi suspensa.

crf ma

O documento previu 40 vagas nos cargos de crítico (administrativo, recursos humanos e tecnologia), consultor de licitações, farmacêutico (consultor e fiscal). Os salários variavam entre os valores de R$ 2,5 milénio e R$ 5,2 milénio).

Quer permanecer por dentro de todas as novidades sobre essa curso? O Direção Concursos preparou um grupo no telegram com as principais notícias voltadas para a espaço bancária e administrativa. Clique cá e participe!

todos os cursos
Clique na imagem e confira todos os cursos do Direção!

Concurso CRF MA: quadro

No edital do concurso CRF MA suspenso, a previsão era de que os candidatos passassem por até duas etapas (provas objetivas e de títulos). As disciplinas que seriam exigidas eram as seguintes:

  • Português;
  • Informática;
  • Conhecimentos Específicos (a depender do missão).

os candidatos seriam avaliados através de 40 questões de múltipla escolha (com cinco alternativas), com valoração totalidade de 120 pontos. A prova objetiva teria 4h de duração. Veja, a seguir, quais seriam as cobranças na segmento de conhecimentos específicos por missão.

Conhecimentos específicos

  • Comentador Administrativo – Funções administrativas: planejamento, organização, liderança, realização e controle. Teorias da Governo. Visão das principais áreas funcionais de uma organização: marketing, finanças, recursos humanos e produção. Negociação. Processo decisório. Estrutura e processos organizacionais. Planejamento Estratégico. Gestão de Projetos. Tecnologia e inovação. Processos relacionados à Gestão de Pessoas: recrutamento e seleção, traçado, descrição e estudo de cargos. Avaliação de desempenho. Treinamento e desenvolvimento. Gestão de conflitos. Qualidade de vida no trabalho. Sistemas de informação em recursos humanos. Governo de recursos materiais e patrimoniais: padronização, normalização, classificação e inspeção de materiais. Compras: especificações, seleção de fornecedores e estudo de valor. Gestão de estoques. Logística. Governo de sistemas de informação: tipos e usos de informação, tratamento das informações, conceitos e propriedades dos sistemas de informação, tipos de sistemas de informação, custos e benefícios de um sistema de informações. Governo Pública: princípios da Governo Pública, governo direta, governo indireta, licença e permissão de serviços públicos. Lei de Responsabilidade Fiscal. Contratos administrativos. Ato administrativo: noção, requisitos, atributos, classificação, espécies, invalidação, anulação e revogação. Orçamento Público: princípios orçamentários, receita pública, despesa pública. Licitação: noção, princípios, modalidades; dispensa e inexigibilidade; procedimento, anulação e revogação. Controle na Governo Pública.
  • Comentador Administrativo – Contábil – Estrutura conceitual da Contabilidade: objetivos e características qualitativas da informação contábil; postulados, princípios e convenções contábeis. Normas Brasileiras de Contabilidade. Ativo: reconhecimento e mensuração. Passivo: reconhecimento e mensuração. Despesas, Receitas, Perdas e Ganhos: reconhecimento e mensuração. Feição dos diferentes estados patrimoniais. Função e funcionamento das contas. Método das partidas dobradas. Escrituração contábil. Livros obrigatórios e auxiliares. Estudo do Capital Social: formação, aumento e outros eventos; formação e contabilização de reservas. Ajustes de avaliação patrimonial. Operações envolvendo ingressos e dispêndios de disponibilidades. Estoques e seus métodos de apuração. Desconto de duplicatas, aplicações financeiras, apropriação de encargos e de receitas e despesas financeiras. Constituição e Contabilização de Provisões. Custos: terminologia contábil. Classificação. Custeio direto e custeio por aspiração. Custos fixos e variáveis. Custos na avaliação de estoques. Alocação de custos com departamentalização. Sistemas de custeio por processo e por ordem. Custeio fundamentado em atividades (ABC). Estudo das demonstrações contábeis: elaboração e estrutura das demonstrações contábeis; objetivos e critérios da estudo das demonstrações contábeis; estudo nivelado e vertical; estudo por indicadores (liquidez, endividamento e rentabilidade); alavancagem operacional e financeira e taxas de retorno; estudo do capital de giro; ciclo operacional; elaboração e estudo de fluxos de caixa. Métodos para reconhecimento e mensuração de participações societárias. Conceitos e principais tributos diretos e indiretos. Incidência dos tributos diretos e indiretos na formação do preço de venda dos bens e na apuração dos resultados. Normas gerais aplicáveis aos tributos. Contabilidade Pública: Legislação básica (Lei n° 4.320/1964); Normas Brasileiras de Contabilidade Aplicadas ao Setor Público; registro de atos e fatos nos subsistemas contábeis orçamentário, patrimonial, de custos, de ressarcimento; Princípios de Contabilidade sob a Perspectiva do Setor Público; elaboração do Patrimônio Público e as variações patrimoniais quantitativas e qualitativas; Balanço Orçamentário; Balanço Financeiro; Balanço Patrimonial; Mostra das Variações Patrimoniais; Mostra dos Fluxos de Caixa; Mostra das Mutações do Patrimônio Líquido; Notas Explicativas; Avaliação e Mensuração de Ativos e Passivos em Entidades do Setor Público. Orçamento Público: Princípios Orçamentários; orçamento na Constituição Brasileira; receitas e despesas públicas; classificação orçamentária das despesas e receitas conforme o Manual Técnico Orçamentário.
  • Comentador Administrativo – Recursos Humanos – Organizar e atualizar os dados de funcionários; Atendimento aos funcionários; Controle das chamadas dos candidatos de Processos Seletivos Públicos; Procedimentos para admissões e desligamentos de pessoal; Contrato de Trabalho: registro do empregado, documentos admissionais, anotações na CTPS, recolhimento de documentos, controles e registros obrigatórios, alterações no contrato, muito porquê a interrupção e a suspensão do mesmo; Controlar e gerar relatórios de cartão‐ ponto de todos os funcionários e estagiários, repassando a situação dos mesmos aos superiores; Gerenciar o planejamento de férias, atualizando o cronograma das mesmas; Orientar, encaminhar e monitorar os funcionários que se encontram em auxílio doença, acidente de trabalho e licença maternidade; Controle e atualização do PCS e benefícios; Controle do PPRA, LTCAT, PPP e PCMSO; Controle disciplinar dos funcionários referentes às advertências (verbais e escritas), suspensões, muito porquê as devidas anotações; Manter atualizados os controles de cobrança de convênios e impostos; Estribar o setor financeiro nas questões referentes à folha de pagamento e encargos. Rotinas de folha de pagamento: preparação e manutenção; Cadastros de tabelas, funcionários, horários e diversos parâmetros; Cálculos de: folha de pagamento, 13º salário 1ª e 2ª parcela, férias, rescisão; Relatórios necessários para folha de pagamento, controles e documentos emitidos pela folha; Encargos Sociais: INSS, FGTS, imposto de renda, imposto sindical e assistencial, CAGED; Confecção de relatórios anuais: RAIS, DIRF, informe de rendimentos; Realizar atividades relacionadas ao E-Social; Fechamento mensal da folha de pagamento e encargos sociais; Gerar e enviar registro de pagamento dos funcionários; Manutenção, controle e distribuição dos benefícios; Controle dos pagamentos dos estagiários junto à filial de estágio; Executar outras tarefas semelhantes em dificuldade e natureza às anteriormente descritas, por necessidades de trabalho e/ou por solicitação superior; Deverá ter disponibilidade para viagens.
  • Comentador de Tecnologia – Componentes e arquiteturas de sistemas computacionais: hardware e software. Representação de dados e sistemas numéricos. Processamento paralelo e distribuído. Fundamentos de sistemas operacionais. (concurso crf ma) Gerenciamento de processos, memórias e sistemas de ingressão e saída. Sistemas Windows XP e superiores. Sistemas fundamentado no kernel do Linux. Virtualização. Algoritmos e pseudocódigos; Programação Estruturada e Orientada a Objetos; Operadores e Estruturas de controle de fluxo; Tipos de dados primitivos e estruturados; Procedimentos e Funções; Estrutura de dados: listas, pilhas, filas, árvores, arquivos e registros; Métodos de ordenamento, pesquisa e hashing; Conceitos de orientação a objetos: classes, objetos, métodos, mensagens, sobrecarga, legado, polimorfismo, interfaces e pacotes, tratamento de exceção; Tradução, estudo léxica, sintática, semiologia, montagem, compilação, relação e tradução e interoperabilidade entre sistemas; Desenvolvimento Web: Conceitos básicos e aplicações. HTML, CSS, JavaScript, JQuery, Ajax, JSON, XML, REST, SOAP, UDDI, WSDL. Linguagens C, Java, PHP e Python. Arquiteturas: cliente-servidor, MVC, Web Services e microsserviços; Desenvolvimento para dispositivos móveis nas Plataformas iOS e Android: Conceitos, IDEs, Android SDK, iOS SDK; Aplicativo nativo, híbrido e para web; PlayStore e Apple Store; Banco de dados: Fundamentos, Padrão Relacional: Conceitos, Relações, Domínios, Atributos, Tuplas, Restrições e seus tipos, Integridade, Integridade Referencial e Chaves Primárias e Estrangeiras; SQL: Padrão SQL ISO/IEC 9075:2008. Implementações Oracle Database Server, Postgree SQL Server e MySQL Server. Linguagens de definição (DDL), manipulação (DML) de dados em SGBDs relacionais. Concepção de transação. Objetos de Bancos de Dados: tabelas, triggers, índices, views, constraints, sequences, procedures, packages, functions, synonyms, types e Jobs. Engenharia de Software: Conceitos Básicos. Ciclo de vida do Software. Padrões de Projetos. Estudo e Projeto orientado a objetos com UML: diagramas, notações, metodologia para utilização e ferramentas. Metodologias ágeis: Scrum e XP. Testes de Software: TDD, refatoração, tipos e estratégias de testes. Versionamento de software: Subversion e Git. Desenvolvimento dextro: Gerenciamento de dependências: Maven. Deploy automatizado e Integração Contínua: Conceitos e aplicações: Jenkins. Redes de computadores: Fundamentos, meios físicos de transmissão; elementos de interconexão de redes de computadores (gateways, switches e roteadores); estações e servidores; redes LAN, WAN e Wireless; arquitetura, protocolos e serviços de redes de informação; arquitetura TCP/IP; conceitos de Internet e Intranet. Segurança da informação: políticas, técnicas e ferramentas. Criptografia, Certificação Do dedo: Noções sobre certificação do dedo e sua utilização; ICP-Brasil. Malwares: tipos, segurança e prevenções. Invasão e outras ameaças. Gestão de mudanças, Vulnerabilidade, risco e prenúncio. Política de segurança da informação. Backup, RAID, SAN, NAS, Fibre Channel, FCP, CIFS e NFS. Moral profissional.
  • Consultor de Licitações e Contratos – Comissões de licitação: forma de designação, elaboração, duração, atribuições e responsabilidades. Pregoeiro e equipe de suporte. Meio de pregão na forma eletrônica e na forma presencial. Bens e serviços comuns e serviços comuns de engenharia que podem ser realizados por pregão. Fases do processo licitatório; pesquisa de mercado e pesquisa de preços; termo de referência, projeto indispensável e projeto executivo. Procedimentos da Percentagem/Pregoeiro e equipe nas Licitações. Urgência da existência de recursos orçamentários e financeiros. Modalidades de licitação e fracionamento de despesas. Definição do objeto: direcionamento lícito e ilícito; cuidados na definição do objeto. Dispensas e inexigibilidades: situações possíveis; formalização do processo. Elaboração de atos convocatórios; editais e convites. Recursos, prazos e procedimentos. Processo de habilitação dos licitantes. Sistema de Cadastramento de Fornecedores – SICAF. Sistema de Registro de Preços – SRP; Ata de Registro de Preços; órgão gerenciador e órgão participante. Pregão Presencial e Eletrônico: responsabilidades do pregoeiro; procedimentos da sessão pública presencial e eletrônica; pedidos de esclarecimentos e prazos de interposição de recursos. Alterações inseridas nas contratações pela Lei Complementar nº 123/2006. (concurso crf ma) Fiscalização e gestão de contratos administrativos: noções básicas sobre contratos administrativos, cláusulas obrigatórias; garantia contratual; alterações contratuais (termos aditivos e apostilamentos); acréscimos e supressões alterações quantitativas e qualitativas ; recebimentos do objeto e pagamentos em contratos; comitiva, controle, fiscalização e gestão da realização contratual; aditivos contratuais e seus limites; direitos e obrigações do contratado; excludentes de responsabilidade do contratado; ocorrências contratuais (faltas, falhas e irregularidades) e seus tratamentos. Sanções, suas modalidades e emprego. Enunciação de inidoneidade e abrangência da suspensão do recta de licitar. Lei n° 8.666/1993 (e alterações posteriores), que institui normas para licitações e contratos da Governo Pública. Lei n° 11.707/2005 (e alterações posteriores), que dispõe sobre normas gerais de contratação de consórcios públicos. Noções de convênios, contratos de repasse e noções da Lei n° 9.790/1999 (e alterações posteriores), que institui e disciplina o Termo de Parceria. Lei n 10.520/2002, que institui a modalidade de licitação denominada pregão, para compra de bens e serviços comuns. Decreto n° 7.892/2013, que regulamenta o Sistema de Registro de Preços. Decreto n° 10.024/2019, que regulamenta a licitação, na modalidade pregão, na forma eletrônica, para a compra de bens e a contratação de serviços comuns, incluídos os serviços comuns de engenharia, e dispõe sobre o uso da dispensa eletrônica. Jurisprudências, decisões e acórdãos do Tribunal de Contas da União.
  • Contador – Elaboração de Planejamento Orçamentário – Proposta Orçamentária; Seguimento mensal do orçamento; Estudo e elaboração de reformulações orçamentárias ou transposições; Elaboração e estudo mensal do balancete; Controlar a situação orçamentária, financeira e patrimonial; Elaboração junto a outros setores de prestação de contas anual ao CFF e TCU;Cevar e manter atualizado o Portal Transparência; Emissão de empenhos, pré‐ empenhos, liquidação e pagamentos; Lançamentos de receitas e despesas em sistema específico; Elaboração de prestação de contas mensal; Controle de impostos; Envio de Enunciação Mensal de ISSQN e DCTF à Receita Federalista; Elaboração anual da DIRF; Elaboração e envio de informações ao E-Social; (concurso crf ma) Envio de declarações aos órgãos competentes; Confecção de pareceres e esclarecimentos para a diretoria; Conciliação bancária; Conferência de balanços; Realização de cálculos de atualizaçãode valores para processos judiciais; Contabilizar as operações financeiras em sistema específico; Registrar as operações bancárias em sistema específico; Investigar documentos referentes à restituição de valores de pagamento indevido. Investigar os cálculos aplicados ao pagamento de sucumbências relativas aos honorários advocatícios; Realizar fechamento movimentação de cobrança e contabilizar as receitas recebidas; Promover a conferência e controle dos suprimentos de fundos; Fechamento de Balanços; Seguimento e controle da Dívida Ativa; Seguir a gestão dos recursos públicos; Trenar demais atividades reconhecidas porquê do profissional de Ciências Contábeis.
  • Farmacêutico Consultor – Mediano de Fornecimento Farmacêutico: organização de almoxarifados, avaliação da espaço física e condições adequadas de armazenamento. Controle de estoques de medicamentos e material (concurso crf ma) de consumo. Padronização dos itens de consumo; sistema de compra; sistema de dispensação de medicamentos e materiais de consumo; sistema de distribuição de medicamentos. Percentagem de Farmácia e Terapia. Farmácia hospitalar: estrutura, noção, objetivos, manipulação de fórmulas oficiais e magistrais, controle de qualidade, métodos de esterilização; Misturas intravenosas, nutrição parenteral. Controle de qualidade dos produtos farmacêuticos – métodos físicos, químicos, físico-químicos, biológicos e microbiológicos. Farmacoepidemiologia. Farmacologia clínica e terapia; vias de governo, aspiração, metabolismo, biotransformação e eliminação. Farmacodependência e Farmacovigilância. Serviços/centros de informação de medicamentos. Participação do Farmacêutico dentro da Percentagem de Controle de Infecção Hospitalar. Legislação Farmacêutica: Portarias MS 3.916, de 30/10/1998; 2.616, de 12/05/1998; 344, 12/05/1998; Lei 6.360, de 23/09/1976; Código de Moral Farmacêutica (Solução CFF 596, de 21/02/2014); Resoluções do CFF 579, 26/07/2013; 300, de 30/01/1997; 308, de 02/05/1997. Organização dos serviços de saúde no Brasil. Organização e princípios do SUS, Constituição Federalista artigos 196 a 200. Pesquisa e desenvolvimento de produtos farmacêuticos.
  • Farmacêutico Fiscal – Leis Federais: nº 3.820/1960; nº 5.991/1973; nº 6.360/1976; nº 6.480/77; nº 6.839/1980; nº 8.078/1990 e alterações (artigos 6º, 31, 37 e 39); nº 9.120/1995; nº 9.294/1996 e alterações; nº 9.677/1998; nº 9.695/1998; nº 9.787/1999 e alterações; nº 10.357/2001; nº 10.406/2002; Código Social (artigos 927 a 951); nº 11.343/2006 e alterações (Título IV, Capítulos I e II); nº 11.903/2009 e alterações; nº 13.021/2014; Lei nº 9.965/2000, Lei nº 13.043/2014 e Lei nº 13.410/2016. Decreto-Lei: nº 2.848/1940 Código Penal e alterações (artigos 273 a 280 e 282 a 285). Decretos Federais: nº 20.377/1931; nº 20.931/1932; nº 74.170/1974 e alterações; nº 85.878/1981; nº 3.181/1999; nº 8.077/2013. 3 Medida Provisória: nº 2.190-34/2001, item 11. Portarias do Ministério da Saúde: nº 344/1998 e alterações; nº 802/1998 e alterações; nº 06/1999 e alterações; nº 4.283/2010. Portaria Conjunta SVS/MS nº 01/2013. 6 Resoluções e Instruções Normativas da Anvisa: RDC nº 220/2004; RDC nº 50/2002 e alterações; RDC nº 53/2007; RDC nº 199/2006 e alterações; RDC nº 44/2009 e alterações; IN nº 09/2009; RDC nº 17/2013 (Licença e Diferença – AFE e AE); RDC nº 17/2012; RDC nº 96/2008 e alterações; RDC nº 320/2002; RDC nº 17/2010 e alterações; RDC nº 306/2004; RDC nº 302/2005 e alterações; RDC nº 80/2006; RDC nº 204/2006 e alterações; RDC nº 16/2007 e alterações; RDC nº 17/2007 e alterações; RDC nº 25/2007; RDC nº 58/2007 e alterações; RDC nº 67/2007 e alterações; RDC nº 52/2009 e alterações; RDC nº 20/2011 e alterações; RDC nº 10/2011; RDC nº 11/2011; RDC nº 47/2013; RDC nº 48/2013; RDC nº 07/2015; RDC nº 157/2017; RDC nº 16/2014 (Capítulos III, IV e V); RDC nº 22/2014; RDC nº 50/2014 e alterações; RDC nº 58/2014; RDC nº 98/2016; IN nº 11/2016; RDC nº 63/2009; RDC nº 220/2004; RDC nº 16/2013; RDC nº 185/2001 e alterações; RDC nº 11/2012; RDC nº 39/2013 e alterações, RDC nº 275/2019, RDC nº 300/2019, RDC nº 304/2019, RDC nº 319/2019. Noções sobre o Sistema Único de Saúde – SUS (Lei nº 8.080/1990 e alterações). Resoluções do Parecer Federalista de Farmácia: nº 288/1996 e modificação pela nº 565/2012; nº 292/1996; nº 296/1996; nº 349/2000; nº 354/2000; nº 357/2001 e alterações pela 416/2004 e 597/2014; nº 361/2000; nº 365/2001 e modificação pela nº 515/2009; nº 387/2002 e modificação pela 584/2013; nº 406/2003; nº 415/2004; nº 433/2005; nº 486/2008; nº 437/2005; nº 442/2006, nº 448/2006; nº 463/2007; nº 467/2007; nº 470/2008; nº 477/2008; nº 481/2008; nº 492/2008 e modificação pela nº 568/2012; nº 499/2008 e modificação pela nº 505/2009 e nº 602/2014; nº 500/2009; nº 504/2009; nº 509/2009; nº 516/2009; nº 520/2009; nº 530/2010; nº 538/2010; nº 539/2010; nº 542/2011 e alterações pela nº 545/2011 e nº 571/2013; nº 549/2011; nº 555/2011; nº 566/2012; nº 570/2013; nº 576/2013; nº 578/2013; nº 579/2013 nº585/2013; nº 586/2013; nº 596/2014; nº612/2015; nº 616/2015 e modificação pela nº 645/2017; nº 617/2015; nº 618/2015 nº 619/2015; nº 623/2016 e alterações pela no 641/2017; nº 624/2016 e alterações pela no 666/2018; nº 625/2016; nº 626/2016; nº 635/2016; nº 648/2017, nº 654/2018 nº 656/2018, nº 658/2019, nº 661/2018, nº 672/2019 nº 673/2018. Atualidades na espaço de saúde (políticas de saúde, política de medicamentos, assistência e atenção farmacêutica e farmacovigilância. Teor de Análises Clinicas).

Assinatura Ilimitada

Quer estudar com muito mais qualidade e muito menos preço? O ano de 2021 suplente grande oportunidades de ingresso no serviço público e você, com o Direção Concursos, pode chegar longe.

Adquira a Assinatura Ilimitada por 12 parcelas de R$ 99,90. São mais de 320 cursos para certames de todas as áreas de atuação.

Clique aquém e adquira já o material mais moderno e completo do mundo dos concursos, fruto da parceria entre Direção e QConcursos:

Resumo concurso CRF MA

notícias concurso crf ma

As principais notícias do mundo dos concursos públicos em um lugar. Conheça o via Direção News e se inscreva: clique cá e confira!

Concurso CRF MA concurso federalista concursos federais CRF MA

Maurício Miranda Sá

Maurício Miranda Sá

Jornalista no Direção Concursos e Servidor Público Federalista lotado no TSE (Tribunal Federalista Eleitoral), estudou Jornalismo, Rádio e TV na UFRN, Publicidade na UNP, Gerenciamento de Projetos pela ESPM e atuou porquê assessor de informação em diversos órgãos e instituições, porquê o Dnocs (Departamento Pátrio de Obras Contras as Secas), Sindifern (Sindicato dos Auditores Fiscais do RN) e, por cinco anos, foi responsável pela repartição de informação da empresa Temos Mansão e Art Design, produtos que desenvolveu, produziu e dirigiu no Rio Grande do Setentrião, sendo um multíplice de informação com programa de TV, programete de Rádio, revista e portal na internet.

ARTIGOS RELACIONADOS

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -