Promessas dos políticos: Fátima Bezerra cumpriu 22% dos compromissos de campanha depois 2 anos e meio de procuração | Rio Grande do Setentrião

- Publicidade -

Melhorar indicadores, concluir obras paradas, aumentar concursos, ampliar serviços públicos. Em dois anos e meio de procuração, a governadora do Rio Grande do Setentrião cumpriu uma de cada cinco promessas feitas durante a campanha eleitoral de 2018.

Levantamento feito pelo G1 mostra que 22% dos 53 compromissos assumidos por Fátima Bezerra (PT), portanto candidata, eleita para um procuração de quatro anos, foram integralmente cumpridos.

  • Veja a relação completa de promessas e o status de cada uma na página privativo.

No link, é verosímil ver todas as promessas feitas pela governadora e o curso de cada uma. Para selecionar as promessas em 2018, o G1 considerou o que pode ser claramente cobrado e medido.

Promessas dos políticos: G1 monitora 1.157 compromissos feitos por governadores em 2018

Promessas dos políticos: G1 monitora 1.157 compromissos feitos por governadores em 2018

Na atualização anterior, depois um ano de gestão, o percentual de compromissos cumpridos era 13%.

Em todo o país, em média, os governadores cumpriram 26% das promessas. Neste ano, a pandemia da Covid-19 foi um argumento usado de forma recorrente pelos governos estaduais uma vez que motivo para não conseguir executar determinadas promessas.

No caso do Rio Grande do Setentrião, por exemplo, o governo argumentou que não conseguiu reduzir o número de servidores “não concursados” da gestão estadual pela urgência de contratar pessoal de forma emergencial para o combate à doença.

Os dados mostram que 20,7% das promessas foram cumpridas parcialmente durante dois anos e meio de gestão – o que significa que ainda há pendências para que o trabalho seja considerado entregue. Com um ano de procuração, esse percentual era de 15%.

Já as promessas que ainda não foram cumpridas pelo governo estadual representam 56%. No termo de 2019, eram 67%.

Trata-se de um comitiva durante a gestão. A avaliação final será feita ao término do procuração.

  • Promessas dos políticos: metodologia

Em números absolutos, o resultado da avaliação das promessas de Fátima é:

  • Totalidade de promessas: 53
  • Cumpridas: 13
  • Cumpridas em segmento: 11
  • Não cumpridas ainda: 30

O G1 acompanha durante os quatro anos de procuração os cumprimentos das promessas de campanha dos políticos.

Quais são os critérios para medir as promessas?

  • Não cumpriu ainda: quando o que foi prometido não foi realizado e não está valendo/em funcionamento
  • Em segmento: quando a promessa foi cumprida parcialmente, com pendências
  • Cumpriu: quando a promessa foi totalmente cumprida, sem pendências

Ou seja, se a promessa é inaugurar uma obra, o status é “cumpriu” unicamente se a obra já tiver sido inaugurada; caso contrário, é “não cumpriu”. Se a promessa é erigir 10 hospitais e 5 já foram inaugurados, o status é “em segmento”. Se a promessa é inaugurar 10 km de uma rodovia e 5 km já foram entregues à população, o status é “em segmento”.

Reparo: nos casos em que não é verosímil determinar o curso da promessa, e o status é oferecido uma vez que “não medido”.

Promessas dos governadores: situação dos compromissos depois dois anos e meio de procuração — Foto: Guilherme Gomes/G1

PROMESSAS DOS GOVERNADORES

ARTIGOS RELACIONADOS

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -