terça-feira, junho 15, 2021

quadro de pessoal tem mais de 8 milénio vagas f…

- Publicidade -

Com novo concurso Serpro solicitado, a Secretaria de Coordenação e Governança das Empresas Estatais (Sest) aprovou o quantitativo de pessoal próprio do Serviço Federalista de Processamento de Dados.

De combinação com a portaria publicada nesta terça-feira, 25, a estatal passa a narrar agora com 8.309 vagas, sendo 7.719 do quadro permanente e 590 do quadro temporário de anistiados.

O quantitativo, desta forma, foi reduzido de 9.147 (em 2019) para os atuais 8.309, sendo ao todo 838 empregados a menos. Conforme a portaria, compete ao Serpro gerenciar o seu quadro de pessoal próprio, praticando atos de gestão para contratar ou desligar empregados.

Concurso Serpro para efetivos foi solicitado

Mesmo diante do quadro de pessoal reduzido, o Serviço Federalista de Processamento de Dados confirmou à Folha Dirigida, em novembro de 2020, o envio de um novo pedido de concurso Serpro ao Governo Federalista. 

A demanda foi enviada à Sest, que é responsável por estimar a premência e conceder ou não o aval para o próximo edital. O número de vagas e os cargos contemplados no pedido não foram divulgados.

De combinação com o Serpro, tendo em vista que a demanda ainda está sob estudo da Sest, é prematura qualquer informação mais detalhada sobre a seleção.

“O Serpro informa que o ofício representa unicamente uma solicitação da empresa. Ainda é necessária a avaliação e estudo da Secretaria de Coordenação e Governança das Empresas Estatais (Sest). Sendo assim, é prematura qualquer previsão mais detalhada sobre o provável edital”, disse.

Novo concurso Serpro foi solicitado (Foto: Divulgação)

Em abril, Serpro selecionou temporários

Diante da premência de pessoal, em abril deste ano, foi publicado o edital do processo seletivo do Serpro. Ao todo, foram oferecidas 165 vagas temporárias, para a curso de comentador, com ganhos iniciais de R$7.620,37.

As oportunidades foram distribuídas pelas especialidades de Ciência de Dados (18 vagas) e Desenvolvimento de Sistemas (147).

Para concorrer, era preciso ter o curso de graduação na superfície de Tecnologia da Informação ou nível superior em qualquer superfície de formação acrescido de um curso de pós-graduação em Ciência de Dados, com fardo horária mínima de 360 horas. 

As vagas foram distribuídas por quatro capitais brasileiras, sendo elas: Brasília (DF), São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ) e Curitiba (PR).

Os candidatos do concurso Serpro serão avaliados por meio de provas objetivas, que ocorrerão nas quatro capitais brasileiras em que há vagas. 

A prova objetiva está marcada para o dia 6 de junho, com duração máxima de três horas e meia. Ao todo, serão cobradas 120 questões, com a seguinte repartição:

  • Língua Portuguesa (20);
  • Língua Inglesa (cinco);
  • Regimento Social do Serpro (cinco);
  • Raciocínio Lógico (cinco);
  • Legislação acerca de privacidade e proteção de dados pessoais (15); e
  • Conhecimentos Específicos (70).

Prepare-se para concursos com a Folha Cursos

Folha Cursos

Os aprovados serão contratados pelo período de um ano, podendo ser prorrogado por igual período, em regime celetista. A jornada será de 40 horas e, além da remuneração, os profissionais poderão narrar com auxílio-transporte e os seguintes benefícios:

  • auxílio-creche, no valor de R$382,68;
  • auxílio a fruto com deficiência, no valor de R$1.150,70;
  • projecto de saúde;
  • projecto odontológico; e
  • projecto de previdência complementar.

ARTIGOS RELACIONADOS

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -