veja porquê foi o último edital

- Publicidade -

A Secretaria de Rancho do estado de Minas Gerais (concurso Sefaz MG) tem um novo edital confirmado. A previsão é de que sejam ofertadas 300 vagas para o incumbência de auditor fiscal, que exige nível superior.

O incumbência foi o mesmo oferecido no último edital Sefaz MG, publicado em 2005, pela Escola de Gestão Fazendária (ESAF).

Na ocasião foram ofertadas vagas para os cargos de Auditor Fiscal da Receita Estadual (AFRE) e Gestor Fazendário (GEFAZ), destinados a candidatos de nível superior.

No totalidade, foram 500 vagas sendo 400 somente para o incumbência de Auditor Fiscal. As oportunidades seguiram a seguinte distribuição:

Concurso Sefaz MG 2005: quadro de vagas

O edital Sefaz MG 2005 oferecia o salário inicial de R$ 5.608,98 para o incumbência de auditor fiscal e R$ 1.576,00 para o incumbência de gestor fazendário, correspondentes a jornada de 40 horas semanais, já incluso os benefícios e gratificações.

Concurso Sefaz MG: provas e etapas do edital de 2005

Os candidatos foram avaliados por meio de prova objetiva e dissertativa, sendo três provas objetivas para o incumbência de auditor e duas provas para o incumbência de gestor fazendário. Veja detalhes inferior:

Provas para auditor fiscal

Concurso Sefaz MG – edital 2005

Provas para auditor fazendário

Concurso Sefaz MG - edital 2005
Concurso Sefaz MG – edital 2005

Critérios das provas objetivas Sefaz MG 2005

I – Para o incumbência de Auditor-Fiscal da Receita Estadual – AFRE:
a) ter obtido, no mínimo, 40% (quarenta por cento) dos pontos ponderados válidos da Prova I –
Conhecimentos Gerais;
b) ter obtido, no mínimo, 40% (quarenta por cento) dos pontos ponderados válidos da Prova II –
Conhecimentos Específicos;
c) ter obtido, no mínimo, 40% (quarenta por cento) dos pontos ponderados válidos da Prova III –
Conhecimentos Especializados;
d) ter obtido, no mínimo, 60% (sessenta por cento) do somatório dos pontos ponderados válidos do conjunto
das provas I, II e III;
e) ter obtido, no mínimo, 40% (quarenta por cento) dos pontos válidos da prova IV – Dissertativa;
f) não ter obtido nota zero em nenhuma das disciplinas constantes das provas I, II e III;
g) ter sido classificado, em decorrência do somatório dos pontos ponderados obtidos nas provas I, II, III e IV,
até duas vezes o número de vagas

II – Para o incumbência de Gestor Fazendário – GEFAZ:
a) ter obtido, no mínimo, 40% (quarenta por cento) dos pontos ponderados válidos da Prova I –
Conhecimentos Gerais;
b) ter obtido, no mínimo, 40% (quarenta por cento) dos pontos ponderados válidos da Prova II –
Conhecimentos Específicos;
c) ter obtido, no mínimo, 60% (sessenta por cento) do somatório dos pontos ponderados válidos do conjunto
das provas I e II;
d) ter obtido, no mínimo 40% (quarenta por cento) dos pontos válidos da prova III – Dissertativa;
e) não ter obtido nota zero em nenhuma das disciplinas constantes das provas I e II;
f) ter sido classificado, em decorrência do somatório dos pontos ponderados obtidos nas provas I, II e III, até
duas vezes o número de vagas

Concurso Sefaz MG: atribuições do edital de 2005

AUDITOR-FISCAL DA RECEITA ESTADUAL – AFRE

Praticar em nível superior, as atribuições relativas às atividades de cultura da Subsecretaria da Receita Estadual – SRE – e, em caráter privativo:
a) constituir, mediante lançamento, o crédito tributário, utilizar penalidades e receber tributos;
b) executar procedimentos fiscais objetivando verificar o cumprimento das obrigações tributárias pelo sujeito
passivo, praticando todos os atos definidos na legislação específica, incluídos os relativos à mortificação de
mercadorias, livros, documentos e arquivos e meios eletrônicos ou quaisquer outros bens e coisas móveis
necessárias a comprovação de infração à legislação tributária;
c) exercitar controle sobre atividades dos contribuintes inscritos ou não no cadastro de tributário e no
cadastro de produtor rústico da SEF;
d) elaborar pareceres que envolvam matérias relacionadas à fiscalização;
e) proceder à orientação do tributário no tocante aos aspectos fiscais;
f) atuar em perícias fiscais;
g) atuar no Parecer de Contribuintes na quesito de mentor indicado pela SEF;
h) executar os procedimentos de formação e instrução de auto de notícia-crime;
i) exercitar a fiscalização de outros tributos que não os instituídos pelo Estado cuja cultura lhe seja
delegada por ente tributário, mediante convênio.

II – GESTOR FAZENDÁRIO – GEFAZ

Praticar atividades, em nível superior, inerentes à cultura da SRE, não privativas do Auditor-Fiscal da Receita Estadual, principalmente:
a) desenvolver atividades técnicas especializadas na dimensão da arrecadação e tributação, inclusive de:
1 – controle do processo de arrecadação;
2 – controle administrativo das atividades sujeitas à tributação;
3 – estudos e pesquisas com base nas informações fiscais e tributárias;
4 – estudos para elaboração da legislação tributária;
5 – controle e de cobrança do crédito tributário proferido ou constituído;
b) desenvolver atividades preparatórias à ação fiscalizadora, sob supervisão do Auditor-Fiscal da Receita
Estadual, inclusive em regime de plantão no Posto de Fiscalização;
c) facilitar o Auditor-Fiscal da Receita Estadual no desempenho de suas atribuições privativas,
estendendo-se ao sistema de plantão, inclusive nos Postos de Fiscalização;
d) desenvolver atividades relativas à realização, séquito e controle:
1 – da manutenção de informações cadastrais, inclusive realizando diligências que não caracterizem
procedimento de fiscalização, na forma de regulamento;
2 – da tramitação de Processo Tributário Administrativo – PTA;
3 – da cobrança administrativa, do parcelamento e da liquidação do crédito tributário proferido ou
constituído;
4 – da participação do município no Valor Confederado Fiscal – VAF;
5 – da avaliação e operação do Imposto sobre Transmissão “Justificação Mortis” e Doação – ITCD – na forma de
regulamento;
6 – de outras rotinas inerentes à governo fazendária;

Resumo concurso Sefaz MG

  • Situação: em estudos
  • Vagas: a definir (pedido de 300)
  • Cargos: auditor fiscal
  • Escolaridade: nível superior
  • Último edital
  • Cursos

Assinatura Ilimitada

Quer prometer centenas de cursos para os principais concursos públicos do país? Basta comprar a Assinatura Ilimitada do Direção Concursos, em parceria com o QC, para ter aproximação ao PDF 2.0: a plataforma que vem mudando a sua forma de estudar. Confira:

Faça secção do meio de Telegram para o compartilhamento de notícias em TEMPO REAL! Você nunca mais vai permanecer de fora das novidades, clique cá e participe.

concursos publicos

concurso sefaz mg concurso sefaz mg 2021 edital sefaz mg sefaz mg sefaz mg 2021 ultimo edital sefaz mg vagas sefaz mg

ARTIGOS RELACIONADOS

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -